Como Temperar Rolinha?

Rolinha

A rolinha pertence à família Columbidae. No Brasil, ela também é conhecida como rolinha-vaqueira ou como rola-vaqueira.

É muito comum as pessoas caçarem aves para comer. Até mesmo pássaros, como é o caso da rolinha. Inclusive, vamos mostrar como temperar carne de rolinha. Confira abaixo:

Como Temperar Rolinhas?

Após depenar as rolinhas, limpe-as bem e lave em seguida. Use limão, alho e sal a gosto para temperar. Depois, é só fritar em óleo bem quente.

É provável que você já tenha ouvido falar que algumas pessoas comem carne de rolinha. E não é só a carne desse animalzinho que é comestível. Existem outros que você talvez nunca tenha imaginado. Esses sim eu tenho certeza de que, a maioria, você nunca ouviu falar que alguém comeria. Confira abaixo:

  • Carne de gorila: ainda que a espécie esteja ameaçada, as populações nativas de várias nações africanas insistem em consumir a sua carne. O consumo de chimpanzés e de gorilas é uma tradição bem antiga na África.
  • Formigas: existem países que consomem as formigas fritas e assadas. Na França, é possível encontrar esse pequeno animalzinho nas barras de chocolate.
  • Ratos: existem países onde os ratos são consumidos como uma alternativa para driblar a fome. Já os antigos romanos tinham o costume de comer roedores arborícolas, chamados de arganazes. Que, inclusive, eram considerados como verdadeiras iguarias.
  • Tartaruga: durante a época vitoriana, o consumo de tartarugas era muito comum. Porém, devido aos protestos ambientais, elas tornaram-se protegidas no mundo inteiro. Nos Estados Unidos, há uma abundância de algumas espécies de tartarugas de água doce. Por isso, o seu comércio é liberado, pois não são protegidas. Já na Ásia, o consumo é ilegal, mas, como sempre, há o comércio clandestino a ser combatido.
  • Cavalos: alguns países ocidentais consomem bastante a carne de cavalo. Podemos encontrar inúmeros estabelecimentos especializados nessa carne na França. A carne de cavalo se parece com a carne de boi. Porém, tem um pouco mais de gordura, além de ter um adocicado a mais e de ser mais forte. Ao todo, são consumidos mais de 4 milhões de cavalos por ano.
  • Cachorro: só de pensar em alguém comendo carne de cachorro a gente sente um arrepio. Mas saiba que na Ásia, o seu consumo é muito comum.
  • Elefante: nem mesmo o elefante escapa da lista de animais comestíveis. O elefante das florestas, que é a espécie mais ameaçada de extinção, é caçado não somente por causa do seu marfim. A sua carne também é bastante procurada. Como um elefante pode pesar cerca de meia tonelada, apenas um deles pode render um bom dinheiro para o caçador.
  • Bichos da seda: usados na Coréia como o principal ingrediente de um prato bastante popular no país. Para o preparo do prato, antigamente, eles usavam os filhotes apodrecidos. Hoje em dia, eles usam os machos adultos e frescos desses bichinhos. Também podem ser preparados empanados e fritos.
  • Baiacú: para quem não sabe, esse peixe é venenoso. Geralmente, ele é consumido cru e uma toxina presente em sua carne causa uma dormência na língua da pessoa.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Carnes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *